Nimona – Noelle Stevenson

dsc_2472

E aí, galera? Hoje vamos conversar um pouco sobre um quadrinho (aliás, tenho lido bastante quadrinhos ultimamente e acho que vale um post só sobre esse assunto)! O Nimona, da ilustradora e roteirista Noelle Stevenson. A Intrínseca me enviou este livro como parte da nossa parceria e eu não podia ter amado mais ❤

O quadrinho está no auge do hype, todo mundo falando dele por aí. Nessa história conhecemos Nimona, uma menina adolescente que decide que vai se tornar comparsa de um vilão. Ela decide e já chega no covil de Lorde Ballister Coração-Negro se anunciando como tal. Mas só após revelar que é uma metamorfa, Nimona consegue a vaga que era seu sonho. Nimona logo percebe que seu vilão favorito, na verdade não é tão mau quanto ela pensava (e esperava) que fosse.

dsc_2475

Com ajuda de Nimona, o vilão descobre que a organização que cuida da cidade, aparentemente possui planos um tanto quanto suspeitos. Coração-Negro tem como seu principal rival o herói Sir Ambrosius Ouropelvis, que trabalha para esta organização e que no passado já foi colega de treinamento de Sir Ballister.

A HQ possui uma ambientação muito interessante, já que parece se passar numa mistura de futuro, cheio de armas tecnológicas e laboratórios avançados, e período medieval, com cavaleiros de armadura.

Nimona é uma personagem complexa e fora dos padrões (gordinha, de cabelos coloridos e raspados em alguns pontos), ela é doce e também muito cruel. E, por mais estranho que isso possa parecer, é impossível não amar!

dsc_2473

Os traços da Noelle são lindos e  o quadrinho é visualmente muito bonito e muito rápido de ler, mesmo sendo “gordinho”. Cheio de humor, o livro não deixa de abordar assuntos importantes como a manipulação das informações, o controle do estado sobre as pessoas e a reflexão sobre como nos deixamos levar pelo sentimento de que existe um inimigo em uma única pessoa, como isso é usado pra mascarar que os problemas na verdade são estruturais.

dsc_2476

As fotos desse post foram tiradas pela minha colega de turma, fotógrafa e também blogueira Chris Oliveira. Mal terminei de ler e já emprestei para a Chris, antes mesmo de conseguir fotografar o livro, aí ela me fez esse favor <3. A Chris tem um blog de literatura e de Letras, o Letras Extraordinárias. Quem tem curiosidade pra saber mais do curso de Letras e de cursar faculdade EAD, vai lá que ela fala de tudo no blog dela.

LIVRORES5ESTRELAS

Siga acompanhando o Olhando por aí:  Fanpage ❤ Youtube ❤ BlogLovin’ ❤ Instagram ❤ Twitter ❤Skoob ❤ Goodreads

capturar2TAYNA

Auggie & Eu – R. J. Palacio + Sorteio

texto_auggieeu_facebook

Nos idos novembro de 2013 eu fiz aqui uma resenha de Extraordinário, um livro tocante e muito fofo (sério, se você ainda não leu, qual a sua desculpa? Corre e vai ler esse livro gracinha!). Quando soube que a autora estava lançando contos no universo de Auggie, me interessei de cara e acabei lendo Plutão assim que foi lançado, a convite da Intrínseca, que me enviou o código de download do ebook.

Quando lançaram o livro, que reunia os três contos, a editora me enviou e eu fiquei bastante feliz! Mas acabei recebendo duas cópias, e uma delas vocês é que vão ganhar! Para participar, basta seguir a página do Facebook do blog (essa aqui) e comentar neste post alguma coisa sobre a resenha (não vale falar só do sorteio, hein!), não esquecendo de colocar seu email de contato. O sorteio só está disponível para quem tem endereço de entrega no Brasil. O resultado será divulgado pela página do blog no dia 16 de janeiro e o vencedor terá três dias para responder meu email, antes que um novo sorteio seja realizado.

81-pnriys-l

Voltando ao livro, ele é um compilado de três contos: O Capítulo de Julian, Plutão e Shingaling.  Cada um deles é contado pelo ponto de vista de um personagem: Julian, Christopher e Charlotte.

O Capítulo de Julian

Se leu Extraordinário, você deve se lembrar de Julian. Ele foi o maior causador dos problemas sociais que Auggie teve que lidar ao entrar na Beecher Prep. No entanto, durante a narrativa, podemos perceber os motivos que o levaram a ser cruel durante o decorrer do enredo do livro principal.

Antes da leitura do conto, na introdução do livro, a autora nos explica que, enquanto escrevia Extraordinário, sabia que Julian tinha uma história para contar, mas que também sabia que sua história de bullying, ou o que o levara a agir daquela forma, tinha pouca importância para Auggie e não modificaria aquela narrativa, portanto, não poderia fazer parte do livro. Auggie teria que ser o personagem principal de sua própria história! Sendo assim, com o desejo de expôr aos seus leitores os sentimentos de seus personagens, ela decidiu escrever mais este livro, nesse compilado de contos que mostram diferentes pontos de vista da história. O Capitulo de Julian nos permite conhecer um pouco mais sobre a personalidade desse personagem que é pouco aprofundado em Extraordinário.

Aqui, podemos entender que ninguém é só bom ou só ruim. Não existem pessoas que sejam dessa forma. Somos complexos e, portanto, é parte dessa complexidade agir com bondade ou com maldade em diferentes situações.

Plutão

No segundo conto, Plutão, leremos sobre Christopher, o amigo mais antigo de Auggie, que se mudou para outro bairro muito tempo antes dos acontecimentos de Extraordinário. Nele conheceremos Auggie antes da Beecher Prep. Christopher, em sua narração, nos mostra como foi ser amigo de Auggie em seus primeiros anos de vida. Ele esteve junto durante as primeiras dificuldades do garoto, como suas primeiras cirurgias para correção de seu problema facial, o sumiço gradativo dos seus amigos, entre outros fatos tristes que circundam a vida de August.

Agora mais velho, Christopher encara o que ele considera problemas por ser amigo de Auggie: os olhares, a reação constrangida de outras pessoas, a ignorância e falta de educação de outros, etc. Torna-se tentador se afastar quando se torna mais difícil sustentar a amizade dos dois.

Shingaling

Shingaling é a terceira e última história de Auggie & Eu. Neste conto, conheceremos mais Charlotte, uma menina que sempre foi considerada altruísta. Charlotte fez parte do grupo de boas vindas ao August Pullman à Beecher Prep, junto com Julian e Jack. Mesmo mantendo-se à distância dele, a mesma nunca o maltratou. Mesmo tendo medo e ao mesmo tempo admiração do velho senhor cego que tocava acordeão por onde ela passava todos os dias, não deixava de depositar no estojo dele um dólar sempre que o via. Charlotte se enxerga como uma  menina realmente aplicada, excepcionalmente boa.

Entretanto, havia em seu interior um de desejo para estar entre a turma dos populares. Após passar na audição para apresentação de dança da Sra. Atanabi, Charlotte se vê frente à frente com Ximena, uma menina nova na escola, mas que já faz parte do grupo das populares (e Summer, uma amiga de Auggie, que é querida em toda a escola, que também passou no mesmo teste), e as três começam, aos poucos, a criar um laço nos ensaios. Acompanhamos o crescimento de uma amizade entre as três, que permanece em segredo, já que pertencem a grupos diferentes na escola.

No decorrer da narrativa, que Ximena, que já fez alguns comentários preconceituosos acerca de August, após conversar com suas amigas, percebe o quão tola estava sendo, conseguindo assim evoluir e se tornar uma pessoa, no mínimo, razoável. Simplesmente uma reviravolta inimaginável. Charlotte cresce ao longo do conto para perceber que ela não é tão perfeita assim, que também é um tanto hipócrita em alguns momentos e isso é bem legal de perceber.

LIVRORES5ESTRELAS

Siga acompanhando o Olhando por aí:  Fanpage ❤ Youtube ❤ BlogLovin’ ❤ Instagram ❤ Twitter ❤Skoob ❤ Goodreads

capturar2TAYNA

 

Livro: Titia Terrível, David Walliams

91-2Ww4jyIL._SL1500_

Sim! Mais um livro infantil e mais um do David Walliams! Eu simplesmente adoro os livros do autor. Já tem resenha de outros dois aqui (aqui e aqui) e sempre que vejo que tem lançamento da Intrínseca eu peço pela parceria porque sei que com certeza vou me divertir!

Stella Saxby é uma menina de doze anos que é a única herdeira de uma grande mansão colonial, a mansão Saxby. Stella acorda um dia sem poder se mover. A única pessoa por perto é sua tia malvada, Alberta. Coisas terríveis aconteceram enquanto Stella estava desacordada e desvendar os mistérios em torno do acidente que a colocaram de cama será a missão da pequena Stella.

A história tem diversos elementos de humor: um mordomo muito velho e muito doido, que nunca faz nada certo, um amigo bem assombrado, uma coruja das montanhas Baviera gigante e assustadora e um detetive muito esquisito. O livro é leve, bem humorado, cheio de ilustrações engraçadas e me tirou boas risadas, como todos os livros do Walliams.  Só senti mesmo foi a ausência do Raj (quem já leu algum livro do autor vai lembrar do jornaleiro mão de vaca que aparece em todos os livros do autor).

Apesar de infantil, o livro distrai todos os públicos (mesmo que em alguns momentos os leitores experientes consigam antecipar o que está acontecendo antes de o autor de fato revelar). Ainda dá pra usar em sala de aula e para facilitar a editora possui um kit de atividades sobre o livro que está disponível aqui.

As ilustrações do Tony Ross são sempre um show a parte. Eu, particularmente, gosto bastante do traço confuso e meio desleixado do ilustrador.

LIVRORES5ESTRELAS

Siga acompanhando o Olhando por aí:  Fanpage ❤ Youtube ❤ BlogLovin’ ❤ Instagram ❤ Twitter ❤Skoob ❤ Goodreads

3TAYNA

Resultado do sorteio: João e Maria, Nós e Isla e o Final Feliz

sorteioo

E finalmente saiu o resultado do sorteio! Vamos às ganhadoras:

vencedoras

#1 Helen Z.

  • Nós, David Nicholls
  • João e Maria, Neil Gaiman
  • Isla e o Final Feliz, Stephanie Perkins

#2 Rafaela S.

  • Nós, David Nicholls
  • João e Maria, Neil Gaiman

As vencedoras já receberema um email no endereço cadastrado e tem até o dia 06/12 para me enviarem seua dados para que a Instrínseca possa enviar os livros. Caso nâo haja resposta, um novo sorteio será realizado. Parabéns às ganhadoras!!!

O resultado pode ser visto na ferramenta onde foi feito o cadastro: neste link.

Beijos! ♥

Siga acompanhando o Olhando por aí:  Fanpage ❤ Youtube ❤ Instagram ❤ Twitter ❤Skoob ❤ Goodreads

Capture TAYNA

Resenha: João e Maria (Neil Gaiman) e Nós (David Nicholls) + Sorteio

sorteioo

Tem resenha dupla e sorteio no vídeo de hoje, então prestem bem atenção e vejam tudinho para não perder nenhuma informação.

Resenha de Isla e o Final Feliz

Serão dois ganhadores, que receberão os seguintes prêmios:

#1

  • Nós, David Nicholls
  • João e Maria, Neil Gaiman
  • Isla e o Final Feliz, Stephanie Perkins

#2

  • Nós, David Nicholls
  • João e Maria, Neil Gaiman

Regras: 

  1. Estar inscrito no canal do Olhando por aí;
  2. Participar do sorteio neste link.

Lembrando que para participar do sorteio é preciso ter endereço de entrega no Brasil!
Quem fará o envio será a editora Intrínseca (nossa parceira). O prazo para resposta após o resultado do sorteio, que será dia 30/11 é de 2 dias úteis, portanto, fiquem atentos para não perder.

Boa sorte a todos! 😉

Beijos! ♥

LIVRORES 4ESTRELAS

Siga acompanhando o Olhando por aí:  Fanpage ❤ Youtube ❤ Instagram ❤ Twitter ❤Skoob ❤ Goodreads

Capture TAYNA

Resenha: Toda Luz Que Não Podemos Ver – Anthony Doerr

 

E aí pessoal, tudo bom com vocês?

A resenha de hoje é em vídeo, porque não consegui lidar com escrever sobre este livro incrível!

LIVRORES 5ESTRELAS

Siga acompanhando o Olhando por aí:  Fanpage  Youtube   Instagram  Twitter  Skoob  Goodreads

ASSINATURARAIO

Resenha: Minha professora é um monstro! (Não sou, não.) – Peter Brown

image

Cada vez fico mais impressionada com os lançamentos infantis da Intrínseca. Mais um livro lindo, de capa dura, grande e super colorido. Fiquei apaixonada só de olhar. Assim que o livro chegou já corri pra sentar e ler com o Antonio, que ficou encantado com os desenhos.

image

O livro conta a história de Beto, um menino que anda tendo problemas com sua professora na escola. A questão é que a senhora Kirby é muito rígida e até mesmo grosseira em alguns momentos. Isso deixa Beto um tanto desmotivado e ele tem cada vez mais atitudes que provocam a ira da professora.

image

Um dia, porém, passeando no parque, ele encontra a professora e eles se veem obrigados a iniciar uma conversa, que parece desconfortável para ambos. Um incidente acontece e eles se conhecem melhor.

image

De forma lúdica, Peter Brown aborda um tema muito importante e que me interessa muito como mãe e como pedagoga: a relação entre professores e alunos. Aqui, vemos um caso em que a professora é abusiva (sim, gritar em sala de aula é abusar da autoridade de professora), mas que – ao contrário do que pensa seu aluno – é uma pessoa como qualquer outra. Vemos também um aluno desrespeitoso com as regras e que não se interessa pela escola. Há muito o que se discutir, mas esse certamente é um excelente livro para crianças em idade escolar e para professores de todas as idades. Acho que, inclusive, vale levar para a sala de aul e discutir o tema com os alunos.

image

LIVRORES4ESTRELAS

Siga acompanhando o Olhando por aí:  Fanpage  Youtube   Instagram  Twitter  Skoob  Goodreads

assinaturatayna

 

Resenha: Como a música ficou grátis – Stephen Witt

Como a música ficou grátis - CAPA simulação.indd

Em Como a música ficou grátis, conhecemos os sujeitos principais da queda dos CDs e do boom do MP3 e da pirataria online. Através dos olhos do jornalista e maníaco por downloads de música pirata, Stephen Witt, vamos descobrir como o download passou a ser o padrão na hora de ouvir música (cenário esse que está mudando, com serviços como o Spotify e o Rdio, entre outros).

Motivado por sua curiosidade jornalística, Stephen resolve procurar saber quem faz os uploads das músicas para a internet e têm uma surpresa ao descobrir que, ao contrário do que ele pensava, as músicas não eram carregadas para a internet por pessoas aleatórias espalhadas ao redor do mundo, mas por uma organização iniciada no  saudoso IRC, a RNS. Por trás dos uploads da RNS nós vamos conhecer Dell Glover, o chamado paciente zero da pirataria. Dell trabalhava em uma fábrica da Universal e vazava todos os grandes lançamentos para a internet antes das datas oficiais de lançamento nas lojas, causando prejuízos absurdos.

A criação da MTV em 1981 marcou o fim do rock cujo objetivo era produzir bons álbuns e o ressurgimento do pop voltado a singles de sucesso.

Mas para que Dell pudesse atuar, foi necessário que o .mp3 surgisse. Antes do MP3, um álbum tinha cerca de 700 Mb de dados, muita coisa para uma época em que a internet disponível era extremamente lenta, se comparada a dos dias atuais. Por trás do MP3 temos outro personagem dessa história, Karlheinz Brandenburg, um alemão pesquisador do Instituto Fraunhofer. Brandenburg, junto com sua equipe cria o algoritmo do MP3 e todo um sistema para que ele desse certo, apesar das rejeições do MPEG (órgão que determina os padrões a serem utilizados em áudio e vídeo), um conversor (que converte CDs em MP3), um player de MP3 para computador e, depois, até um mp3 player portátil.

“Você matou a indústria fonográfica!”

Ao mesmo tempo, vamos acompanhar Doug Morris, um grande executivo da indústria fonográfica, especialista em produzir sucessos e que vê seu império caindo aos pés da pirataria online. Por trás dessas três tramas, acompanhamos o desenvolvimento pessoal e profissional desses três personagens e o crescimento da internet.

O livro é extremamente informativo e interessante, não consegui parar de ler até chegar ao fim e entender como tudo ia terminar. Para quem, como eu, acompanhou o boom da internet nos anos 90, ainda tem o bônus de rever esse momento tão marcante e que, certamente, modificou a história da humanidade em muitos sentidos!

Ficou curioso? Aqui tem uma entrevista que a Editora Intrínseca fez com o autor, está bem legal e tem até fotos dos personagens desse livro.

LIVRORES4ESTRELAS

Siga acompanhando o Olhando por aí:  Fanpage ❤ Youtube ❤ BlogLovin’ ❤ Instagram ❤ Twitter ❤Skoob ❤ Goodreads

ASSINATURARAIO

Resenha: Bebês Submarinos – Seth Casteel

 

IMG_1347

Seth Casteel é o mesmo fotógrafo de Cachorros Submarinos e Filhotes Submarinos, livros esses que sempre quis, mas que ainda não tive oportunidade de ter em minhas mãos. Vi diversas fotografias deles online e amei por motivos mil: a fotografia perfeita, os cachorros fofos, piscinas ❤

Assim que vi que o autor havia lançado uma versão com filhotes humanos bebês, pedi logo para a Intrínseca e não tenho do que me arrepender. Como vocês podem ver nas fotos que selecionei aqui, as imagens são fofas de doer!

IMG_1351 IMG_1352 Como resistir??? *-*

IMG_1353 IMG_1354 IMG_1355

Não fotografei todas as páginas por motivos óbvios – vocês precisam ver esse livro – mas vontade não me faltou. No comecinho do livro, o fotógrafo e autor do livro explica o motivo pelo qual começou a fotografar cães na água e como foi um caminho natural fazer isso com bebês. O livro alerta para os riscos – com crianças e animais – de afogamento em piscinas domésticas. Ele explica que isso, em geral, acontece porque os pais tem medo de levar seus bebês para aulas de natação e incentiva-os a fazer isso mostrando o quanto diminuem os casos de morte na água com crianças que tiveram aulas de natação.

Eu, que fiz natação na infância e que amo piscinas já queria colocar o Antonio em uma aula de natação, depois de ler esse livro fofo, já estou me programando pra fazer isso assim que o verão chegar!

IMG_1356 IMG_1357

Fotos de todos os bebês em terra!

IMG_0391

Foto extra: foto do post do evento da Intrínseca, que achei que merecia aparecer aqui 🙂

LIVRORES4ESTRELAS

Siga acompanhando o Olhando por aí:  Fanpage  Youtube  BlogLovin’  Instagram  Twitter  Skoob  Goodreads

assinaturatayna

 

Resenha: Isla e o Final Feliz – Stephanie Perkins

Oi gente, tudo bem?
Hoje o vídeo é um pouco diferente, hoje teremos uma resenha por aqui. Vem conferir o que achei de Isla e o final feliz, da Stephanie Perkins!

Veja também as resenhas dos outros livros da série:

Anna e o beijo francês

Lola e o garoto da casa ao lado

LIVRORES 5ESTRELAS

Siga acompanhando o Olhando por aí:  Fanpage  Youtube  BlogLovin’  Instagram  Twitter  Skoob  Goodreads

assinaturatayna