Minhas séries favoritas ♥

tumblr_mr9z7yhtnr1sqg1zoo1_500

Eu adoro seriados! Policiais, sitcoms, de fantasia… eu amo essa sensação que temos de fazer parte do cotidiano daqueles personagens! Fiz uma lista dos meu seriados favoritos e incluí suas sinopses, para o caso de vocês ainda não os conhecerem.

Cold Case

1195615280_f

A série “Cold Case” tem como personagem principal a detetive Lilly Rush (Kathryn Morris, do filme “Minority Report”), integrante da equipe de homicídios da polícia da Filadélfia. Sua missão é cuidar dos arquivos mortos, ou seja, de crimes que nunca foram resolvidos. Utilizando nova tecnologia, ela interroga testemunhas dos crimes e tenta encontrar novas pistas para chegar a uma solução. O problema é que seu trabalho acaba sempre abrindo novas feridas. Para desenvolver suas investigações, a detetive conta com o apoio de seu mentor, Tenente John Stillman (Finn), e do detetive Will Jeffries (Barry), uma de suas conexões com o passado. Em sua equipe também estão os detetives Nick Vera (Ratchford), especialista em arrancar confissões, e o arrogante detetive Scott Valens (Pino).

Foi a primeira série policial que eu assisti e acompanhei, já havia visto alguns episódios soltos de CSI, mas nunca havia acompanhado. Nunca terminei de ver o seriado (parei na sexta temporada), mas é o próximo seriado que vou rever (e concluir, né).

Friends

friends

A série conta a história de seis amigos que lutam para crescer pessoalmente e profissionalmente na agitada Manhattan. Com bastante humor inteligente e um apoiando o outro, eles conseguem fazer com que sua amizade cresça a cada dia. Essa amizade funciona como o porto-seguro para eles superarem as dificuldades que surgem. Vários temas são abordados na série e divertem os telespectadores, tais temas são: família, trabalho, sexo, amor, entre muitos outros. Foi gravada também a trilha sonora da série, que também fez muito sucesso. As letras e o refrão transmitem uma mensagem que é exatamente o que a série procurou passar.

Os seis personagens centrais da série são:

Rachel (Jennifer Aninston): Após abandonar seu noivo no altar, foi morar com sua amiga de colegial Monica. Veio de uma família muito rica e sempre foi mimada, mas com o passar do tempo, vai se tornando responsável e com a cabeça no lugar. É uma ótima amiga, sempre dando conselhos às outras.

Monica (Courteney Cox): Monica tem obsessão por limpeza. Quando era adolescente já foi obesa, o que explica ela ser um tanto neurótica e compulsiva. O ponto de encontro preferido dos demais personagens sempre é a sua casa, até porque sua comida é a melhor, por ela ser uma excelente chef de cozinha.

Phoebe (Lisa Kudrow): muito antes de conhecer seus amigos, já morou na rua, isso devido à sua saída precoce de casa, aos 14 anos de idade. Phoebe é vegetariana e bastante excêntrica. Tem uma irmã gêmea, a qual odeia. Trabalha compondo músicas e como massagista.

Joey (Matt LeBlanc): Joey é bastante esperto, apesar de fingir o contrário. É um conquistador, dá cantada em todas as mulheres que aparecem na sua frente.

Chandler (Matthew Perry): Chandler esconde seu emprego (processador de dados) de seus amigos. Ele odeia o trabalho e só tem coragem de se demitir na nona temporada. Chandler é sem dúvida o personagem mais engraçado de todos, principalmente quando usa de seu sarcasmo para fazer piadas em momentos que não são apropriados. Seus amigos o questionam sobre sua sexualidade, ainda mais pelo fato de seu pai ser um travesti. Chandler já tentou parar de fumar diversas vezes durante a série, é tão fissurado no cigarro que já chegou a escondê-los na tampa da privada.

Ross (David Schwimmer): Ross, é paleontólogo e estuda animais pré-históricos, como dinossauros. É o irmão mais velho de Monica. Sempre leva seus relacionamentos a sério, chegando as vezes a ser um pouco ingênuo, fato comprovado quando se casou com uma lésbica.

A série foi um dos maiores fenômenos da TV norte americana e nos Estados Unidos, 52,5 milhões de telespectadores assistiram ao episódio final em 6 de maio de 2004, tornando-se a emissão de entretenimento mais vista desde o episódio final de Seinfeld, em 1998.

Essa é, sem dúvida, minha série favorita. Todas as dez temporadas são maravilhosas e não canso de assistir! ♥

Supernatural

supernatural-6x19-sam-dean-bobby-castiel

Há 20 anos, Sam (Jared Padalecki) e Dean Winchester (Jensen Ackles) perderam sua mãe em um trágico e misterioso acidente, no qual as forças sobrenaturais — muito obscuras — estiveram envolvidas. Por esta razão, seu pai decidiu ensiná-los a lidar com a vida sobrenatural, ensinando-lhes técnicas de defesa contra as forças do mal; chegando até a ensinar a maneira ideal para matar os diferentes tipos de demônios. Agora, os irmãos Winchester percorrem os Estados Unidos em seu velho Chevy travando uma verdadeira batalha contra a obscuridade e a maldade. Objetos amaldiçoados, vampiros, bruxas e entidades maléficas — incluindo um Papai Noel não tão bonzinho — são só alguns dos desafios que estes dois irmãos têm de superar.

Supernatural foi, até a quinta temporada, uma série maravilhosa! Com uma pegada de humor, a série cativou. A partir da sexta temporada, comecei a não ver mais sentido, mas insisti e continuei a ver. Porém, com a sétima temporada foi impossível continuar, a série ficou chata. Não sei como está agora (parei de assistir, mas eles já confirmaram a nona temporada), mas recomendo que assistam até a quinta.

The Big Bang Theory

wallpaper-the-big-bang-theory-tbbt-10

Leonard (Johnny Galecki) e Sheldon (Jim Parsons) são dois brilhantes físicos que dividem o mesmo apartamento. Suas vidas se complicam quando uma belíssima jovem, porém pouco inteligente, Penny (Kaley Cuoco), se muda para o apartamento do lado. A chegada de Penny perturbo um pouco a Sheldon já que ele prefere passar as noites jogando Klingori Boggle com seus amigos e colegas de trabalho e também cientistas, Howard (Simon Helberg) e Raj (Kunal Nayyar), sem ligar para Penny. Contudo, Leonard vê em Penny a possibilidade de aprender a interagir com as mulheres e sente que ela é um novo mundo cheio de possibilidades, e quem sabe, do amor. Sheldon acha que isso é um sonho que nunca se realizará, porém, talvez nesta comédia estas mentes brilhantes possam aprender algumas coisas com uma jovem que trabalha em uma lanchonete.

Um pouco de nerdice com muito humor! ♥

How I Met Your Mother

himym

A série gira em torno da vida de Ted Mosby e dos seus amigos, que é narrada pelo próprio aos seus filhos, 25 anos mais tarde. Bob Saget, como Ted Mosby do futuro, conta então aos filhos as histórias e peripécias que o levaram a conhecer a mãe deles. As outras personagens principais são Marshall Eriksen, Robin Scherbatsky, Lily Aldrin e Barney Stinson.
Em 2005, aos 27 anos, o jovem Ted Mosby (Josh Radnor), após o seu melhor amigo, Marshall Eriksen (Jason Segel), ficar noivo, decide finalmente ir em busca da sua cara-metade. Com gestos românticos questionáveis, Ted conhece Robin Scherbatsky (Cobie Smulders), no bar que costumavam frequentar, Maclaren’s Pub. Após uma série de eventos Robin passa a pertencer ao grupo de amigos de Ted: Barney (Neil Patrick Harris), Marshall (Jason Segel), e a noiva deste, Lily (Alyson Hannigan), que namoram desde o primeiro ano da faculdade. No dia 11 de Janeiro de 2010, a série alcançou os 100 episódios com o episódio Girls vs Suits.
How I Met Your Mother é uma série que sempre recebeu boas críticas, tendo, inclusive, recebido importantes prêmios durante todo o tempo em que esteve no ar. Já ganhou 7 Emmy Awards de 24 nomeações, incluindo a nomeação para o prêmio “Melhores séries de comédia” em 2009 e o prêmio de “Seriado de Comédia Preferido pelo Público” em 2012. Em 2011 a companhia CBS anunciou a renovação da série por mais duas temporadas, com a série estando certa até a oitava temporada.
Ponto bastante interessante do How I Met Your Mother é a forma como a série é conduzida. Uma vez que a história se faz por uma narração, feita por Ted Mosby no futuro, os roteiristas utilizam bem dos artifícios oriundos desse tipo de escrita. Narrações são construídas com base em relatos, testemunhos, ou seja, estão sempre sujeitas as emoções do interlocutor no momento em que ele vivencia a ação ou, quando mais tarde, analisa tal ação com juízos de valores agora diferentes, ademais, mentiras são aceitas, pois não se trata a narração de um retrato fiel do passado. Inúmeras vezes nos deparamos com os personagens atuando de forma surpreendente e impossível, é possível citar como exemplos: quando o Marshall pula do terceiro andar de seu prédio, sem qualquer dificuldade, e quando a Robin dá um mortal com uma bicicleta de criança passando em cima de alguns carros. Concluindo, o espectador nunca sabe o que virá pela frente e se o que está vendo realmente aconteceu daquela forma, ou até mesmo, se chegou a acontecer.

Comecei a ver a série há pouco tempo por insistência de um amigo do trabalho e foi das melhores coisas que fiz! A narrativa da série é incrivelmente cativante e nos motiva a continuar a assistir! ♥

Criminal Minds

criminal-minds-600-1285123419

Quando não há outras pistas para um caso em série, o FBI logo pede ajuda para a Unidade de Análise Comportamental em Quântico. Enquanto detetives comuns estudam as evidências de um crime, a unidade analisa o comportamento do criminoso para chegar a uma lista de suspeitos. Eles investigam o crime de dentro para fora — sem examinar as evidências no laboratório; ao invés disso, eles estudam o comportamento dos criminosos nas cenas dos crimes ou onde eles vivem ou trabalham, para descobrirem o que eles pensam.
Liderando a equipe está o agente especial Jason Gideon (Mandy Patinkin, “Dead Like Me”, “Chicago Hope”), o principal analista comportamental do FBI. Os experts do time de Gideon incluem o agente especial Dr. Spencer Reid (Matthew Gray Gubler), um típico gênio com um QI alto, que é atormentado pela ideia de acabar tornando-se esquizofrenico assim como a mãe Diana; o agente especial Aaron Hotchner (Thomas Gibson, “Dharma & Greg”), um homem de família capaz de ganhar a confiança das pessoas e descobrir seus segredos; o agente especial Derek Morgan (Shemar Moore, “Birds of Prey”), um especialista em crimes obsessivos; Elle Greenway (Lola Glaudini, “Família Soprano”), uma agente que é motivada pela agressão não-resolvida que ela sofreu há alguns anos; Jennifer Jareau (A.J. Cook, “Premonição 2”), uma especialista em contatos com a mídia; e Penelope Garcia (Kirsten Vangsness) uma técnica em análise de dados e informática.
Cada membro da equipe une suas especialidades únicas enquanto eles apontam as motivações dos predadores e identificam seus gatilhos emocionais na tentativa de impedi-los.

Sem dúvidas a minha série policial preferida: inteligente, diversificada e estimulante! Amo muuuito ♥

Once Upon a Time

wallpaper_once_upon_a_time_2_by_alexandreholz-d516w5h

A série se passa na cidade fictícia litorânea de Storybrooke, Maine, em que os moradores são, na verdade, personagens de contos de fadas que foram transportados para o “mundo real” através de uma maldição poderosa. A única esperança reside em Emma Swan (Jennifer Morrison), que foi transportada do mundo de conto de fadas antes que ela pudesse ser amaldiçoada. Como tal, ela é a única pessoa que pode quebrar a maldição e restaurar as memórias dos personagens perdidos, auxiliada por seu filho, Henry, que tem um livro de contos de fadas que detém a chave para acabar com a maldição.
Cada episódio centra-se em uma história por trás de um personagem. Um segmento de detalhes da sua vida no mundo de conto de fadas que, quando revelados, acrescenta uma peça ao quebra-cabeça sobre os personagens e sua conexão com os eventos que precederam a maldição e suas consequências. O outro (segmento), no dia de hoje, segue um padrão semelhante, com um resultado diferente, mas também oferece uma visão semelhante.

Minha nova queridinha ♥
Comecei a ver a pouco e já estou apaixonada. Ao contrário do que a maioria pensa, a série não tem nada de “menininha”. Inclusive, me lembra um pouco Fables (o que já é mais um motivo para amá-la).

E vocês? Quais as suas séries favoritas? Já viram alguma da minha lista?

Quem quiser acompanhar o Olhando por aí é só seguir:  Fanpage ❤ Youtube ❤ BlogLovin’ ❤ Instagram ❤ Twitter ❤Skoob ❤ Goodreads

tayna

4 comentários em “Minhas séries favoritas ♥

  1. tem razão eu quero que vc me desculpe,eu estava meio nervosa naquele dia,sabe como é né,coisas pessoais ah e parabéns pelo o blog é que eu sou assim mesmo sabe,eu não estava em um dia muito bom mais claro eu não li direito e me expressei errado,parabéns pelo o blog me desculpe de novo e eu fico feliz que vc assistiu a série e gostou mesmo assistindo só as primeiras temporadas mais vc assistiu então isso é ótimo, bom vc não é uma hunter mais vc já fez sua parte de assistir então sucesso e fique com Deus bjssssssssssss

  2. bom tudo estava indo muito bem,e eu estava adorando saber que sobrenatural estava na sua lista,amo essa série de paixão,mais assim eu já estou cansada de ficar ouvindo por aí algumas pessoas falarem que a série ficou ruim a partir da 6 temporada,pra começo de conversa eu pergunto aonde ficou ruim???? eu estava gostando do quê vc disse mais depois que ouvi a palavra “sentido” aí eu já vi tudo sou fã da série amo demais e fiquei assim vendo que vc a colocou na lista mais não gosta mais eu em,vc recomenda assistir até a 5 temporada bom eu não recomendo nada porque eu nunca fui por opinião dos outros e nem sempre gosto que as pessoas vão pela a minha,o que eu tinha pra falar já falei e quem ama e é fã da série já sabem o que fazer,e quem não ou não gosta mais tudo bem opinião é opinião cada um tem a sua,as pessoas terem o mesmo gosto de vez em quando é normal,cada um assiste como gosta,cada um julga como quer claro que julgando bem ou não,não vai afetar nada se vc acha que a série foi boa até a 5 temporada tudo bem,eu acho que essa série não tem palavra para afirmar a qualidade acho que perfeita é muito pouco,pois é como eu disse opinião é opinião eu tenho tenho a minha e você tem a sua,e é uma pena que vc não goste mais porque não sabe o que esta perdendo bom quem é fã é fã,só quem ama mesmo sobrenatural de verdade sabe o que nós fãs sente a respeito dela

    1. Oi Anne, tudo bem?
      Acho legal você colocar sua opinião, o espaço está aqui pra isso mesmo. Porém, acho que você não reparou que eu disse que cheguei a assistir a sexta e o início da sétima temporada. Eu amo o seriado, de verdade, tenho as cinco primeiras temporadas em DVD, inclusive, para poder rever sempre que quiser (coisa que até agora só fiz com Friends). Mas eu passei a achar o seriado massante a partir da sexta temporada, de verdade. Mas isso é só opinião, como o seu comentário também é. Recomendei aqui o que eu gosto, o que me diverte, o que me emociona ou o que me faz ter vontade de chutar umas portas por aí (caso dos policiais) e não recomendaria algo em que não acredito, que é o caso das últimas temporadas de Supernatural. Você tem todo o direito de discordar, como eu tenho direito de ter minha opinião e como qualquer pessoa que vem até meu blog tem o direito de simplesmente achar que nenhuma das séries é boa. Nossos gostos são diferentes e é, no final, isso que faz a vida ser tão legal.

      Um beijo.

O que você pensa sobre isso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s